Gênesis: Final Trágico de Amarilis causa Punição Severa em Uma das Esposas

Novela Gênesis: Fim trágico de Amarilis fará uma das mulheres do faraó Sheshi receber uma condenação: Kamesha e a rainha Merianat.
Se inscreva no nosso Canal Resumo News e deixe o seu like!

Com a morte trágica de Amarilis na novela “Gênesis”, o faraó Sheshi deseja punir severamente o culpado pela morte de sua querida irmã.
Acontece que a irmã do faraó descobre um pergaminho e uma pena de pardal no quarto de Kamesha.
A moça imediatamente mandou chamar o comandante oficial Potifar e revelou o que encontrou nas coisas da segunda esposa do seu irmão.
Potifar também fica imaginando que Kamesha seja a responsável pelo ataque ao rei do Egito. Pois a pena de pardal simboliza uma mensagem misteriosa do ex-faraó Apepi, soberano que Sheshi o tirou do trono.
Com isso, Amarilis anda desconfiada de Kamesha, a quem ela tinha como uma irmã e amiga. O público de casa já se encontra em dúvida entre Kamesha e a rainha Merianat na história deste mistério.
Na segunda comemoração da coroação do faraó, Amarilis acaba bebendo um vinho envenenado. Na sequência o copeiro é o primeiro a passar mal com o veneno.
Em seguida, Amarilis começa a passa mal também e pede ajuda ao irmão soberano do Egito. O faraó fica em choque ao ver a sua irmã morrendo em seus braços.
O faraó pede socorro aos sacerdotes, que farão de tudo para salvar a irmã do soberano. Todos aguardam uma reação positiva de Amarilis, porém ela não vai resistir e acaba morrendo.
O faraó ficará totalmente arrassado com a perda trágica de sua maninha.
Imediatamente, Sheshi reúne os seus na sala do trono para saber se a tragédia tem algo a haver com as ameaças de Apepi.
O copeiro, que poderia ser um dos culpados, acaba levando a pior ao passar mal na hora do banquete. Potifar se apresenta ao rei e conta que tem uma revelação de Amarilis “antes de ela falecer”.
O comandante Potifar revela ao faraó o que Amarilis descobriu quando entrou nos aposentos de Kamesha.
Que a jovem encontrou uma pena de pardal e uma mensagem misteriosa em um pergaminho que supostamente foi enviada por Apepi.
Potifar afirma que vai investigar ainda se Kamesha tem algo a haver com essa história. O faraó, porém, irá logo acreditar na possibilidade de Kamesha ser assassina de sua amada irmã.
Amargurado com a perda da irmã, o faráo vai enfrentar Kamesha com toda a sua raiva. Sheshi vai questionar se a segunda esposa é realmente a mensageira dos pergaminhos misteriosos de Apepi.
Chorando muito, Kamesha vai negar as acusações do marido amargurado e contar que ele sabe de fato quem ela é de verdade.
O faraó conta o que Amarilis encontrou no quarto dela e que não tem como ela negar diante dessas provas. Kamesha vai ficar decepcionada por seu amado duvidar de seu caráter.
A segunda esposa confessa que tinha Amarilis como uma irmã e nunca faria mal a uma pessoa bondosa como ela. Sheshi demonstra acreditar de que ela é a culpada verdadeira de tudo.
Kamesha, com a criança nos braços e com lágrimas nos olhos, questiona se o amado vai julgá-la e condená-la à morte.
Furioso com a segunda esposa, o faraó revela que mandará Kamesha para o exílio da Núbia. Kamesha fica arrassada com a decisão do soberano do Egito de ser exilada.
Porém, será que foi Kamesha quem matou a irmã do faraó? Vamos já continuar esse assunto.
Nesta última terça-feira, 14 de setembro, a novela Gênesis teve duas horas de duração para emendar com a estreia de “A Fazenda 13”.
A Record TV não confiou muito na audiência da série canandense “Quando Chama o Coração” neste dia especial para a emissora.
O conteúdo continua no vídeo acima.

#Gênesis

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Most Popular

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

To Top